opinião

Bolsonaro afunda Brasil na irracionalidade

Por Maurílio Júnior
Brasil caminha para sofrer 500 mil mortes por Covid-19 — Foto: Arthur Menescal/Metrópoles

O sábado tem sido marcado por protestos contra o governo de Jair Bolsonaro.

Os atos, inevitavelmente, provocam a comparação com as manifestações promovidas pelo presidente da República sob o único intuito de agravar a pandemia.

E, sim, com o Brasil entrando em uma terceira onda da Covid-19, ambos são irracionais.

Nas duas situações elas são creditadas a mesma figura, responsável, em grande parte, pela tragédia diária de um país que se aproxima de 500 mil mortes para uma doença que já tem vacina.

Há, porém, uma diferença:

Os atos de hoje são reações a um desgoverno aliado do vírus, visto nas ausências de medidas adequadas para o controle da pandemia e a, pelo menos, 14 recusas de Bolsonaro para compra de vacinas. 

Sim, são atos irracionais em um país já afundado na irracionalidade.

Comentários:
error: Conteúdo Protegido!!