impacto na conta de luz

Privatização da Eletrobras: veja como votou cada deputado paraibano

Por Maurílio Júnior
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta (19), por 313 votos a 166, o texto-base da Medida Provisória que viabiliza a privatização da Eletrobras.

Da bancada paraibana apenas três deputados se posicionaram contra: Damião Feliciano (PDT), Frei Anástacio (PT) e Gervásio Maia (PSB). Leonardo Gadelha (PSC) não participou da sessão.

Votaram a favor: Aguinaldo Ribeiro (PP), Wellington Roberto (PL), Efraim Filho (DEM), Rafafa (PSDB), Wilson Santiago (PTB), Edna Henrique (PSDB), Julian Lemos (PSL) e Hugo Motta (Republicanos).

Segundo a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), a privatização causará um impacto de até 16,7% na tarifa de energia.

Mais cedo, os governadores do Nordeste se manifestaram contra a matéria.

— Este processo de desestatização, além de impactar a tarifa de energia para os consumidores, abrirá caminho para a precarização na prestação do serviço, configurando-se um absurdo energético, hidráulico e institucional.

Os deputados ainda analisarão os destaques da MP antes de enviar para o Senado.

Comentários:
error: Conteúdo Protegido!!