política

Rafafá tenta apartar ‘quebra pau’ em Comissão sobre liberação da cannabis

Por Maurílio Júnior
Comissão discute parecer a projeto que autoriza cultivo da Cannabis. Foto: Reprodução

Por ironia do destino, coube ao deputado Rafafá (PSDB) tentar apaziguar, junto com outros colegas, o quebra pau na Comissão da Câmara que discute, nesta terça (18), o parecer sobre a comercialização de medicamentos feitos a partir da planta cannabis.

Em vez de fogo, o paraibano foi bombeiro na confusão do deputado bolsonarista Diego Garcia (Podemos-PR) contra o colega Paulo Teixeira (PT-SP) agredido com empurrão e um tapa no seu peito.

Teixeira, que é presidente da Comissão, não acatou uma manobra de Garcia, para adiar a votação do projeto de lei.

Suplente de Pedro Cunha Lima

Rafafá votou favorável ao parecer do relator, deputado Luciano Ducci (PSB-PR), que legaliza o cultivo da Cannabis por pessoas jurídicas, como empresas, associações de pacientes e organizações não governamentais.

Rafafá é suplente de Pedro Cunha Lima (PSDB), que tirou licença de 120 dias e é um dos entusiastas da matéria. Na semana passada, Cunha Lima chegou a criticar o presidente Jair Bolsonaro por chamar o projeto de “porcaria”.

Hoje, aliás, Bolsonaro voltou a atacar a proposta: “Acho engraçado que maconha pode e cloroquina não pode”.

Comentários:
error: Conteúdo Protegido!!