governo bolsonaro

“Fato irretorquível contra figura do presidente”, diz Veneziano sobre CPI da Covid

Por Maurílio Júnior
Veneziano Vital do Rêgo é vice-presidente do Senado — Imagem: Marcos Oliveira/Agência Senado

“Politicamente é um fato irretorquível contra figura do presidente”.

A avaliação é do vice-presidente do Senado, Veneziano Vital do Rêgo (MDB), em contato com o Blog, logo após a decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luís Roberto Barroso, determinando ao Senado a instauração uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar omissões do governo Bolsonaro na pandemia da Covid-19.

Veneziano – que não assinou a lista de 32 senadores, 5 a mais que o necessário para abertura da Comissão, segundo a Constituição – espera que a CPI não tome um víeis totalmente político.

“Por mais que se tenha um histórico de víeis politico em CPIs, defendo que a CPI busque alternativas, melhores encaminhamentos, além de investigar. Não pode se portar simplesmente como instrumento político. Não dá para fazer palanque eleitoral neste momento”, afirmou.

Para o senador paraibano, a abertura da CPI “é um fato irretorquível contra figura do presidente”. “Pode ser que nomes de interesse do governo, que o governo gostaria de preservar, tenha que se expor muito agora”.

Desde o início da pandemia, Jair Bolsonaro trocou três vezes de ministro da Saúde, provocou aglomerações, foi contra medidas restritivas e recomendou o uso de medicamentos sem eficácia científica comprovada contra a Covid-19.

Comentários:
error: Conteúdo Protegido!!