Antifascista, zagueiro do Treze rebate censura de torcedores: “Chega, ninguém aguenta mais”

Por Maurílio Júnior
Foto: Divulgação – Bruno Rafael / CBN

Respeitado pelo futebol mostrado em campo, o zagueiro do Treze e capitão da equipe, Breno Calixto, escreveu nesta segunda-feira (01) em suas redes sociais que “não aguenta mais” a tentativa de alguns torcedores em querer censurar jogadores que se posicionam politicamente.

“Jogador não pode falar de política porque foge dos padrões do futebol. Quem foi o retardado que inventou isso? E por quê? Jogadores meus companheiros não deixem de expor suas ideias por causa de seguidores ou torcida. Seu trabalho é em campo fora você é uma pessoa normal como qual quer um”, disse.

E continuou:

“Se for o caso de eu perder seguidores porque estou na luta com meu povo que se foda, meu trabalho é em campo me avalie por lá me critiquem se eu for mal lá, aqui fora vou levantar a bandeira junto com o povo do antifascista. Chega ninguém aguenta mais”.

“E convido outros jogadores pra entrar nessa briga também pq é pro bem do nosso país, não se oprimam não existe isso de padrão que jogador não pode falar de política se alguém vim falar isso pra mim leva uma resposta na testa bonito”, concluiu Breno.

Comentários:
error: Conteúdo Protegido!!