Efraim: “Foi um mês perdido no momento mais crítico da pandemia”

Por Maurílio Júnior

A saída de mais um ministro da Saúde em meio à pandemia do novo coronavírus começa a repercutir na bancada federal da Paraíba.

Efraim Filho, líder do DEM na Câmara dos Deputados, afirmou que o Brasil perdeu um mês no enfrentamento ao novo coronavírus.

“Teich sai e não deixa saudade, a impressão é que ele nunca assumiu. Foi um mês perdido do Ministério da Saúde no momento mais critico da pandemia”, afirmou.

Comentários:
error: Conteúdo Protegido!!