Bolsonaro brinca de esconde-esconde

Por Maurílio Júnior

Jair Bolsonaro decidiu brincar de esconde-esconde com a Justica. Depois de não apresentar os exames para coronavírus, segundo ele ambos negativo, a Advocacia-Geral da União (AGU) apresentou um pedido de reconsideração ao ministro Celso de Mello, do STF, para que abra mão da ordem de entrega da gravação da reunião ministerial do presidente Jair Bolsonaro com o ex-ministro Sergio Moro.

A defesa do governo alega que o encontro tratou de ‘assuntos potencialmente sensíveis do Estado’.

Segundo Moro, foi nessa reunião, em 22 de abril, que Bolsonaro cobrou a entrega de relatórios de inteligência da PF e a substituição do superintendente do Rio, ameaçando demitir Maurício Valeixo e o próprio ministro da Justiça caso suas exigências não fossem atendidas.

O que tanto Bolsonaro teme?

Comentários:
error: Conteúdo Protegido!!