Câmara salva Santiago

Por Maurílio Júnior

Deu a lógica: com direito a troca de relator em cima da hora, a Câmara dos Deputados salvou o mandato de Wilson Santiago (PTB) por 233 votos a favor, 170 contra e sete abstenções. O paraibano havia sido afastado do cargo em 21 dezembro do ano passado, por decisão do ministro do Supremo, Celso de Mello, com base nas investigações da Operação Pés de Barro, que envolvem as obras da “Adutora Capivara”, sistema adutor que deve se estender entre São José do Rio do Peixe a Uiraúna, no Sertão do estado. As obras foram contratadas por R$ 24,8 milhões e teria havido até agora distribuição de propinas no valor de R$ 1,2 milhão.

Comentários:
error: Conteúdo Protegido!!