FPF culpa Estado pela sua desorganização secular

Por Maurílio Júnior

Por meio de nota de esclarecimento, a Federação Paraibana de Futebol (FPF) comunicou nessa sexta-feira (17) o adiamento do Campeonato Paraibano, deste fim de semana para a próxima terça-feira (21).

O problema é o mesmo de cem anos de história do campeonato: estádios sem laudos.

Se já não bastasse a bomba que empurrou para o Estado, com o desvio de quase R$ 11 milhões do agora extinto Gol de Placa – alvo de investigação do Ministério Público – em jogos de sua organização, a presidente Michele Ramalho e seus filiados transferem a culpa do adiamento da competição novamente para o Estado, noticia o site Voz da Torcida.

Alegam que o governo, por gerir grande parte das praças esportivas, não elaborou um projeto de combate à incêndio.

Ou seja: pedem que além da comida (dinheiro), o Estado dê na boquinha dos corruptos clubes, o circo para festa.

À FPF, apenas o dever de elaborar uma tabela, por vezes mal feita.

É mole?

Há 5 dias, Michele Ramalho e clubes posaram sorridentes com o governador João Azevêdo, no lançamento do Incentivo Esporte
Nota da FPF
Comentários:
error: Conteúdo Protegido!!