Paraibanos repudiam nova ameaça de Eduardo Bolsonaro contra democracia

Por Maurílio Júnior

A fumaça produzida pelos pimpolhos do presidente não para. As declarações do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) defendendo um novo AI-5 caso a esquerda se radicalize, com protestos como o que têm acontecido no Chile, ganharam o repúdio de congressistas paraibanos de correntes partidárias opostas. Líder do PSL na Câmara Federal, o filho do presidente Jair Bolsonaro deu a declaração em entrevista à jornalista Leda Nagle realizada na última segunda-feira e publicada nesta quinta no canal dela no YouTube. Durante a campanha presidencial, em outubro do ano passado, Eduardo dizia que bastava um “cabo e um soldado” para fechar o Supremo. Veja a repercussão:

Comentários:
error: Conteúdo Protegido!!