Deputado vê política brasileira limitada a memes na internet

Por Maurílio Júnior

Falta seriedade para classe política brasileira. A observação é do deputado paraibano Pedro Cunha Lima (PSDB). Para o presidente da Comissão de Educação na Câmara Federal, a política brasileira passa por um momento de limitação, com discussões relevantes sendo levadas para o campo dos memes na internet.

“Eu sonho com o dia que os políticos acordem e se questionem se as crianças estão aprendendo nas escolas. Falta uma consciência de País, não é só uma questão de leis”, apelou o tucano no 3º Congresso Internacional de Jornalismo de Educação (Jeduca), nesta segunda-feira (19), em São Paulo.

Pedro participou do debate ao lado dos também deputados federais, Tabata Amaral (PDT-SP), Caroline de Toni (PSL-SC) e Rosa Neide (PT-MT). O debate foi mediado pelo jornalista, repórter de educação da Folha de São Paulo e diretor do Jeduca, Paulo Saldaña.

O tucano defendeu investimentos na primeira infância, como meio de transformação da educação. Lamentou ainda as obras inacabadas de creches que pertencem ao Programa Nacional de Reestruturação e Aquisição de Equipamentos para a Rede Escolar Pública de Educação Infantil (Proinfância).

Outro tema abordado pelo tucano foi a questão da evasão escolar. Em 2018, conforme apontou um estudo feito pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 30,7% dos jovens brasileiros entre 15 a 17 anos estavam com atraso ou fora do ambiente escolar. Falou também da necessidade de investir na formação do professor e de oferecer mecanismos para que eles desenvolvam o seu trabalho.

Comentários:
error: Conteúdo Protegido!!