Festa e traição: as revelações da 4ª fase da Calvário

Por Maurílio Júnior

A decisão judicial do desembargador Ricardo Vital, que deflagrou a 4ª fase da Operação Calvário, revela detalhes indecorosos da suposta participação do agora ex-procurador geral do Estado, Gilberto Carneiro, no esquema de corrupção que envolve recursos públicos da Saúde da Paraíba. Com base nas investigações do Ministério Público da Paraíba, Vital conta que parte do dinheiro desviado da Saúde pode ter sido usado para festa de aniversário de 50 anos de Carneiro e Livânia Farias (ex-secretária de Administração). Na página 14 do despacho, novas revelações: com base no depoimento de Francis Christianno Pinto Coelho, caseiro de um imóvel rural de Maria Laura (servidora do Estado presa nesta terça) em Santa Terezinha, ela teria um caso íntimo com o também investigado Ricardo Jorge Castro Madruga, que é da Secretaria de Finanças do Conde. Casada com Josildo de Almeida Carneiro – alvo de mandados na terceira fase da operação -, Maria Laura teria dado uma Pajero/Sport ao amante, além de um imóvel na Praia do Amor, em Conde. Leia a decisão judicial completa

Comentários:
error: Conteúdo Protegido!!