‘Quentinha do Roberto’ faz Estado economizar com alimentação

Por Maurílio Júnior

Delivery Preso desde a última sexta-feira (22), no âmbito da Operação Xeque-mate, o empresário Roberto Santiago, tem se alimentado com refeições de fora do 1º Batalhão da Polícia Militar. Segundo o tenente-coronel Lucas, que comanda a unidade, o Estado economizará R$ 1.500 se o dono dos shoppings Manaíra e Mangabeira completar um mês na prisão.

Comentários:
error: Conteúdo Protegido!!