Livânia presa: João evita assunto

Por Maurílio Júnior

Na primeira agenda pública após a prisão da então secretária de Administração do Estado, Livânia Farias, o governador João Azevêdo (PSB) evitou falar sobre o assunto.

Questionado, João se limitou a dizer que a posição do governo está na nota divulgada no fim de semana, a qual trata o fato de cercear a defesa, execração pública antecipada e ressalta a presunção de inocência da agora ex-secretária, no âmbito da operação Calvário, que desvenda um poderoso esquema de corrupção na Saúde da Paraíba.

Na carta que pede desligamento do Estado, Livânia Farias assegura “absoluta convicção de minha inocência” e diz que o “momento exige integral dedicação à minha defesa jurídica”.

A secretária adjunta de Administração, Jaqueline Gusmão, responderá pela pasta a partir desta terça-feira (19).

Comentários:
error: Conteúdo Protegido!!