Três missões para Cartaxo – antes de pensar em eleição

Por Maurílio Júnior

Luciano Cartaxo (PV) desistiu de ser candidato na última eleição, viu o irmão perder a disputa e não conseguiu eleger sequer seu deputado estadual. Mesmo assim o prefeito de João Pessoa respira eleição. Seja a última que vexatoriamente perdeu ou a próxima quando não poderá disputar mais. 

Ele quer um terceiro turno de 2018 – pensando em 2020 -, com base nas denúncias do ex-assessor da Secretaria de Planejamento do Governo do Estado, Leandro Nunes, sobre supostas irregularidades na campanha do então candidato João Azevedo (PSB) para governador.

Antes de pensar no futuro, porém, Luciano poderia se preocupar em tratar três dores de cabeça do pessoense: o caos na Saúde, onde baratas foram encontradas em leitos de hospitais; organizar a feira livre que se tornou o Centro; e calçar as ruas da cidade. 

Quem sabe assim descobre o motivo que o fez perder, especialmente na cidade que é gestor.

Comentários:
error: Conteúdo Protegido!!