Berg se diz a “esperança”

Por Maurílio Júnior

Berg Lima (sem partido) disse que seu retorno ao comando da prefeitura de Bayeux representa também a volta da “fé e esperança” para os moradores da cidade. 

Preso em julho do ano passado ao ser flagrado recebendo propina de um fornecedor da prefeitura, Berg foi beneficiado nessa terça-feira (18) por uma liminar do desembargador do Tribunal de Justiça da Paraíba, Marcos Cavalcanti, que argumentou na decisão que o afastamento do político “mostra-­se condenação antecipatória, em razão da iminência de expirar o prazo para o término do seu mandato”.

A depender dessa “fé e esperança”, o baienense continuará afundado.

Brasil!

Comentários:
error: Conteúdo Protegido!!