Infeliz coincidência

Por Maurílio Júnior

No dia que a Cruz Vermelha do Brasil – administradora do Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa – é alvo de uma operação por desvio de dinheiro, com dirigentes presos, inclusive, na Paraíba, o Governo do Estado publicou no Diário Oficial um Projeto de Lei que reconhece a instituição Cruz Vermelha como de utilidade pública.

Na prática, a sanção viabiliza a certificação de filantropia, de modo que a entidade passaria a ter benefícios no recolhimento de impostos.

A autoria do projeto sancionado pelo governador Ricardo Coutinho (PSB) é da deputada Estela Bezerra (PSB).

Recentemente, aliás, a ex-presidente da Cruz Vermelha na Paraíba, Mayara de Fátima Martins de Souza, ganhou notoriedade por também ter ocupado o cargo de chefe de gabinete de Estela na Assembleia Legislativa. Mayara não é alvo da operação.

Uma infeliz coincidência.

Comentários:
error: Conteúdo Protegido!!