Após Ibope, filho sai em defesa do pai

Por Maurílio Júnior

Tão logo saiu o resultado da última pesquisa Ibope, antes da eleição, o deputado federal e candidato à reeleição, Pedro Cunha Lima (PSDB), saiu em defesa do pai, o senador Cássio Cunha Lima (PSDB), que caiu de primeiro para segundo na disputa pelo Senado. O tucano aparece atrás de Veneziano Vital (PSB) e empatado tecnicamente com Luiz Couto (PT) e Daniella Ribeiro (PP).

Em vídeo divulgado nas redes sociais, Pedro apela a um grupo de eleitores a votar no pai. O filho diz que o genitor é vítima de um bombardeio de uma estrutura de poder, cujo o objetivo é destruí-lo politicamente. 

“Quero pedir pelo meu pai, o senador Cássio Cunha Lima. Está precisando demais do apoio de cada um, não de hoje sofre um bombardeio, existe um objetivo político por parte de uma estrutura de poder em destruir meu pai, espalhando mentiras com portais de notícias, muita vezes pagos, para disseminar inverdades e para injuriar. É gente espalhando mensagens no Whatsapp, comentando em rede social querendo massacrar ele”, disse Pedro Cunha Lima.

O parlamentar enfatizou que o pai é um “homem bom e decente” e deve ser lembrado por sua trajetória.

“A gente acredita muito na força de uma trajetória de vida. Quem conhece meu pai sabe que ele é um homem bom. Um homem decente, que sempre gostou de ajudar a quem mais precisa”, pregou Pedro. 

A pesquisa Ibope foi realizada entre os dias 3 e 5 de outubro, com 812 entrevistados. Veneziano Vital (PSB) lidera com 37% das intenções de voto, seguido de Cássio Cunha Lima (PSDB), agora com 34%, Luiz Couto (PT), com 32%, e Daniella Ribeiro (PP), 30%. 

Comentários:
error: Conteúdo Protegido!!